Quem nunca?

images

Quem nunca contou uma mentira? Algo leve, como fingir um sorriso. Algo duro, como palavras de ódio e, que por dentro, carregavam o melhor do sentimento. Algo leve, como uma frase de incentivo, mesmo sabendo que tudo aconteceria ao contrário. Algo grave, como omitir seus sentimentos verdadeiros. Quem nunca mentiu dizendo que era apenas amizade? Algo leve, como você não faz meu tipo, mas na verdade era somente o medo de levar o não. Quem nunca disse uma coisa querendo dizer outra? Como dizer que não se importa, mas por dentro é somente aquilo que faz sentido. Alguma desculpa só para fugir de algo que não conhece. Ou, qualquer outra desculpa para correr daquilo que conhece bem.
Essas mentiras estão presentes em todos os momentos, mesmo inconsciente. Quantas mentiras já disse hoje? Quantas delas ficaram por falar? Quantas poderiam ser evitadas?
Quando você disse que gostava de alguma música, mas na verdade, não sabia nem do que estava falando.
Ou, quando disse que não se lembrava de nada, mas todos os momentos ainda estavam bem vivos. Mentir para alguém é fácil. Olhar nos olhos e dizer qualquer coisa é fácil. Difícil mesmo é encarar o espelho e ver toda a verdade estampada. E, mais uma vez, repetir todas essas mentiras. Quem sabe o espelho não entenda que é só isso. Quem sabe ele mesmo não te convença que tudo tornou-se verdade. E, de repente, tudo a sua volta vira mentira, fugas. O momento, por mais completo, fica vazio. Porque, mesmo que o espelho não te diga, o travesseiro vem pra lembrar que nada disso faz sentido.
Aquela mentira cheia de verdade por trás. Você nem sabe mais o que é verdade, o que é mentira, o que é invenção, imaginação, vontade, vaidade. Você já não sabe de mais nada. E, mesmo quando perguntam, você diz que sabe bem quem é, o que sente. Ou, as vezes, fala que nunca sabe o que quer, o que pensa. Segue assim, cheio de mentiras que não passam de medos. Medo de ser julgado, da mesma forma que julga, mesmo não querendo. A verdade é cheia de mistérios, porque nunca sabemos a reação de quem a escuta. Mentir é mais fácil, porque mesmo que a reação seja ruim, a mentira pode-se tornar em outra, em outra, em outra e não vamos nos importar. Agora, uma vez dita a verdade, foi. Não tem mais o que mudar. Muitos vão mentir, falando que não mentem. Mas, tá pra nascer alguém que nunca teve medo e que nunca julgou. Mas, sabe de uma coisa? Hoje eu só quero verdades. Se você quiser mentir, minta. Você é livre. Mas, não me impeça de dizer o que quero, muito menos se assuste com isso. Afinal, a verdade é minha e o problema também. Verdades não são perguntas e não esperam respostas. E o silêncio pode ser o melhor complemento.

ca1

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s