Eu poderia

galeria Leia ao som de Lady Antebellum – Need you Now

Eu poderia escrever sobre a primeira vez que eu te vi, sobre o dia em que te conheci ou sobre o nosso primeiro beijo. Quem sabe até sobre todas as coisas que fizeram eu me apaixonar por você, que não sei ao certo descrever. Poderia dizer que o som da sua risada faz meu coração se acalmar. Poderia dizer que eu queria que aquele filme nunca tivesse acabado só pra te ter um pouco mais no meu colo ou que tentei disfarçar uma lágrima quando pela primeira vez você disse “Eu te amo” no cinema. Poderia dizer também que até hoje não sei se o mocinho morreu ou não no final porque só conseguia prestar atenção em você.

Poderia te dizer que quando te perdi de vista tive medo de não te ver nunca mais e que esse medo continuou comigo depois a cada despedida. Esse mesmo medo foi acabando com a gente dia após dia e me fez implorar pra você não ir embora, pra não me deixar. Eu só queria ter sido motivo suficiente para te fazer ficar. Eu poderia dizer que não ligo se você diz que conheceu um outro alguém e até mentir que já tenho alguém também, fingir que não me importo e que você já não surte nenhum efeito sobre mim, quando a verdade é que ainda acordo te procurando no meio na noite depois de um sonho ruim.

Eu poderia te ligar agora dizendo que estou com tanta saudade que meu peito parece que vai explodir, que os seus esforços pra me afastar e os meus pra ficar longe de você de nada adiantaram, pois continuo te amando como em todos os outros dias e continuarei te amando por muitos outros dias ainda. Poderia implorar por mais uma chance mesmo correndo o risco de você nem ouvir. Poderia fazer tanta coisa, poderia aprender a tocar violão e te fazer uma serenata, poderia te enviar flores, poderia correr até a rodoviária e enfrentar 4 horas de viagem só pra te ver se você assim quisesse, mas preferiu me pedir pra te esquecer.

Eu poderia ser um pouco mais parecida com você. Poderia me esconder atrás de uma muralha de desapego, mas boba que sou não me canso de insistir e acreditar em contos de fadas e finais felizes. Confesso que, se eu pudesse, voltaria no tempo e faria tudo de outro jeito só pra manter um pouco mais do seu amor por mim. Se no fim das contas eu pudesse recomeçar e te trazer de volta pra mim, não me importaria em derrubar quantos muros fossem preciso para chegar até você e faria tudo diferente pra você não se afastar. Eu poderia te esquecer mas, infelizmente, tudo o que eu faço me lembra você.

 

biome31

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s