Maldito amor!

 Imagem
Leia ao som de Three Days Grace: I hate Everything about you

Mais uma vez ele está aos gritos no telefone, uma simples conversa se tornou uma grande discussão. Fico sem reação tentando entender como chegamos a este extremo. Abro a boca, mas prefiro me calar. Não adianta debater, nem discutir, ele está sempre certo. Cansei e estou sem forças para brigar. Quando depois de muito ouvir, explodo. Mas não em gritos e sim em lágrimas, e cheia dessa agressão verbal gratuita. Suas palavras me ferem como uma faca, que me doem na alma e cortam o coração, ele me conhece, sabe onde machucar, e como sabe…ciente dos meus pontos fracos, se aproveita de meus altos e baixos, e me deixa sem chão.

É até impossível imaginar que, um dia, fomos um casal, que um dia fomos felizes, ou nos amamos sei lá, tento acalma-lo, fazê-lo pensar, e parar. Finalmente falo; desabafo e lamento, sem saber explicar porque causo tanta fúria nele, o porquê de tudo incomodá-lo. Falo verdades sem humilhar e finalmente me dou por vencida. Graças a ele a palavra orgulho próprio não faz mais parte do meu vocabulário, vai ser como você quiser, o que você quiser, só não aguento mais brigas, se não ficamos juntos no amor, que permaneçamos na paz.

Ele cai em si, vê a merda que fez, mas já é tarde, infelizmente não temos um controle remoto, onde podemos voltar no tempo para deletar certas ações, apagar algumas palavras, ou excluir sentimentos. Ele pede desculpas e o desculpo de coração. Já fui assim um dia, nunca fui uma santa nem uma pessoa fácil de conviver, era muito estressada, nervosa, mas ele não conhece meu novo eu, não sabe que aquela pessoa que um dia eu fui, morreu. Assim como ele está matando aos poucos o resto de amor por ele, que insiste em sobreviver dentro de mim, é uma vela que tenta permanecer acesa, mas do jeito que as coisas se encaminham, não vejo a hora que se apague de vez um dia, e possa finalmente aproveitar da paz que essa escuridão irá me trazer.

Digo que não quero mais conversa peço apenas que ele reveja suas atitudes e tente dosar suas palavras e não se estressar por tão pouco. Vou dormir magoada, não sei como ele ainda consegue me afetar, já me fez tanto, era pra eu estar no mínimo anestesiada…

No outro dia aparece em casa com cara de cachorro pidão, desconfiado, arrependido sem nem saber como agir, nem olho na sua cara, apenas volto a dormir, e lá vem ele sem dizer nada se enfia debaixo das cobertas comigo, apenas escuto sua respiração ofegante, e seu acelerado coração, tento ignorar e me desvencilhar do abraço, mas num resisto e lá fico quieta sem nada pensar e nada dizer. Ele alisa meu cabelo olha pro meu rosto inchado de tanto chorar, pede desculpas e me beija, um beijo terno. Viro o rosto, ele num insiste só me abraça e me aquece.

Envolta em seus braços não tenho pra onde correr, não tenho controle do meu corpo e de minhas ações, minhas vontades e desejos. Mais uma vez cedo ao meu maior vilão, minha maior paixão, o homem que simplesmente não consigo resistir, e faço amor com ele como muitas vezes fiz me entregando totalmente ao prazer que só ele me faz alcançar, e aquela mesma boca que proferiu palavras pra me ofender, hoje me beija e promete que tudo vai melhorar…

E assim vamos vivendo esse ciclo, brigando, se amando, se odiando, se desejando até quando eu não sei dizer.

Amor é um sentimento lindo, mas é invasivo, corrosivo, venenoso e nos faz sofrer, ainda mais um amor mal resolvido. Um final não definido é como uma prisão perpétua, sem a menor chance de recorrer, sem possibilidade de fugas, dependendo apenas da misericórdia do juiz, o próprio coração, e implorando pela sentença. Preferindo a morte desse amor bandido, do que ser refém o resto da vida desse bendito sentimento que só confusão insiste em trazer, que faz você ficar cego, surdo, mudo, perde suas vontades, sua identidade e vive em função de outro ser.

Basta ter esperança e relembrar dos momentos felizes que um dia foram vividos e torcer pra que um dia o próprio amor vença essa batalha contra ele mesmo, que vença o desejo, o apreço, o carinho, e todas as coisas boas que tem no amor e finalmente os amados resolvam de uma vez por todas viver o lado bom de amar.

Imagem
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s